segunda-feira, 28 de março de 2011

fruta farta




amoras no teu pêlo
quantas línguas
já provaram
mangas
na carne ancestral
da uva roxa
pra desbravar o sexo
no pomar
das tuas coxas

arturgomes


quarta-feira, 16 de março de 2011

alice







ali
se alice ali se visse
quando alice viu e não disse
e alice ali se dissesse
quanta palavra veio
e não desce
ali bem ali
dentro da alice
só alice com alice
ali se parece

paulo leminski

quinta-feira, 10 de março de 2011

jura secreta 132

avisto o mar amaralina
vejo o farol na praia
na areia vejo a menina
não é metáfora
ela tem a boca de nuvens
girassóis entre os joelhos
algas perto das coxas
estrela do mar nos cabelos
poema escrito no sexo
com letras de serpentina


a tatuagem nas costas
a flor da pele retina
é preciso não ter pressa
para entender o que eu digo
ela tem um jeito gal
um furacão no umbigo
a voz de mil oceanos
marés de outras marinas
ouriços presos na língua
de tudo que não se sabe
nada me satisfaz

o movimento dos barcos
o mar de fogo no cais

artur gomes
http://juras-secretas.blogspot.com



marina presente dos deuses do mar e da chuva







tropicalirismo

girassóis pousando
nu teu corpo
festa
beija-flor seresta
poesia fosse
esse sol que emana
do teu fogo farto
lambuzando a uva
de saliva doce

arturgomes
http://pelegrafia.blogspot.com/
fosse pimenta
fruta farta
felicidade
tua voz seria
sereia mar
marina maresia
fogueira acesa
no teu corpo santo
como farol
de lua
pra espantar
quebranto