quarta-feira, 10 de novembro de 2010

chegou alice para iluminar o mundo




meu mais lindo poema em carne e osso




Café Literário – Dia 14 às 18:00h
Bienal do Livro de Campos
Artur Gomes e Fabrício Carpinejar
Mediador: Dedé Muylaert
Leia mais aqui: http://artur-gomes.blogspot.com/

Olá Artur! Alguma poesia ainda persiste em respingar por estes ares, respinga no teu vídeo, nas plantas, na terra, nos muros pintados e mesmo nos alvos pixados que aí vi que comprovam a fome de expressão,da própria existência de muita gente que lacrimeja spray em paredes de olhares estranhos que mesmo caladas escutam o ressoar da poesia que fervilha em tua língua e de mais algumas bocas abusadas que se locomovem num ritmo certeiro fazendo flores nascerem no asfalto, e a poesia correr no sangue de alguma estátua perdida nesta multidão .....

Parabéns pelo seu trabalho e pela sua persitência sempre!

Bjus

Alcinéia Marcucci - Corumbataí-SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário